data tão festiva!!!

A primeira vez que o vi, você me olhou direto nos olhos; fez isso de um jeito tão profundo e intrigante, que até hoje carrega o título de um dos momentos mais emocionantes da minha vida.

Eu ainda era muito menina e não estava acostumada a lidar com os grandes momentos. Desviei, fechei os olhos e chorei. Hoje me arrependo por não ter prolongado um pouco mais.

Você chegou em minha vida para transformar meus caminhos, para promover reencontros, para exigir diálogos, para ditar importâncias; pousou missionário, sem precisar dizer uma palavrinha.

Por causa de sua presença, reatei laços, reconstruí relacionamentos, perdoei, fui perdoada.

A partir daquele primeiro olhar, minha vida mudou e veio até aqui, cambaleante por conta das minhas escolhas, mas sólida por causa desse amor, que se espalhou e possibilitou outros.

Eu nunca vou esquecer seus olhinhos, Dé, tão pretos, tão abertos, tão dentro dos meus. Quando você nasceu o médico o colocou no meu colo, todo embrulhadinho num manto azul, azul da cor do céu, azul da cor do mar, azul do amor azulzinho…

Sete de novembro, dia de festa, dia de Dé!

Foi um momento muito interessante conhecê-lo e renovar esse encontro todo ano, o ano todo, é um privilégio! Que bom que você faz parte da minha vida!!!

Que você tenha um ótimo dia; um aniversário feliz; um novo ano repleto de bons acontecimentos, boas pessoas, boas experiências; que você continue caminhando assim nesse seu ritmo que tanto me orgulha e que arranca suspiros das minhas amigas mães: “que maravilha ter um filho assim, né Adri?”.

Um beijo, mil beijos.

quer comentar? não se acanhe.

Pin It on Pinterest

%d blogueiros gostam disto: