no mercado

Sou rainha das listas. Faço lista pra tudo, dos afazeres cotidianos às roupas que irão na mala da próxima viagem. Me sinto segura assim; a memória aprendeu a funcionar nesse modo.
A exceção mora justamente onde deveria ser regra: mercado. Não consigo me organizar; quando abro armários e geladeira para investigação dos ausentes, logo me distraio com o que há e vai tudo por água abaixo… O resultado é sempre o mesmo, perco tempo, passeio por todos os corredores, encho o carrinho de coisas e quando chego em casa percebo a incompetência. 
Já tentei várias vezes mudar esse panorama. Parece que minha sina é mesmo ir ao mercado de dois em dois dias. Num compro detergente, no outro guardanapo.
Para frutas e verduras prefiro o ar livre; vou à feira e carrego comigo a mesma incapacidade.
Dia desses fui surpreendida por simpática senhora no corredor de massas/molhos. Diante da incrível oferta de variedades de marcas e tipos de macarrão, estava a ler rótulos e origens até que me decidi por dois tipos: um fetuccine integral básico e um linguine negro com tinta de lula. Quando coloquei esse último no carrinho, a velhinha me soprou no ouvido “onde você costuma comprar lulas?”. Ao explicar que tenho por hábito uma peixaria do Mercado Municipal, me dei conta que precisaria ir até lá para continuar com o prato. Mais uns dois minutinhos de conversa sobre receita e modos de preparo, ela me sugeriu fazer o fetuccine com pesto, lembrei que precisava comprar molho.
Nos despedimos.
Caminhei mais um pouco e estava a comprar ovos quando a vi de novo, escolhia morangos. Lembrei que precisava de suspiros e creme de leite. E quando cheguei à prateleira do creme, estávamos novamente no mesmo corredor; ela escolhia o sabor de geleia o que me fez pensar que precisava de Nutella para a Lívia. Simpática, disparou “compro essa geleia, mas como com pão preto para não fazer tanto estrago no colesterol”. Ri e segui correndo pra padaria, precisava de pão também.

A minha conclusão: talvez se eu fizer as compras seguindo alguém no mercado, dê certo.    
 
 

quer comentar? não se acanhe.

Pin It on Pinterest

%d blogueiros gostam disto: