do amor

eu falo de amor em outra língua
as vezes ocupo olhos para ouvir
uso as mãos,
sei pelo cheiro
e declaro na canção

eu trato do amor no avesso
no inverso, no contrário
o oposto
que é meu reverso
a imperfeição de mim
no descompasso, converso

eu caminho pelo amor
como quem anda
ou quem corre
melhor, quem para
e no beijo morre

eu sei do amor na boca
e no corpo
sinto o amor na alma
em incêndio essencial
tormenta, cometa
e vendaval

quer comentar? não se acanhe.

Pin It on Pinterest

%d blogueiros gostam disto: