tradutor

eu tenho uma vida inteira desperdiçada em lágrimas
toda mi vida a llorar, caer en lluva de sal
escorreu em meu rosto, traços fundos, todo tipo de lástima
sufrí pelos hombres que no lo saben
gritei as verdades num coro total
naufragué en los córregos menos profundos
e por fim larguei as esperanças no canto dos boicotes
poco a la izquierda para otros tiempos
mesmo assim insisto nessa música que não termina
y me río de los que piensan que me conocen
a eles ofereço, sem volta, a espada de Dâmocles
y zapateo sin piedad toda la dança del mundo

quer comentar? não se acanhe.

Pin It on Pinterest

%d blogueiros gostam disto: